quinta-feira, 5 de maio de 2011

Autorização para plebiscito do Tapajós volta ao Senado para redação final

Com o caráter de urgência na tramitação valendo para os ritos do Congresso Nacional, o projeto do senador Mozarildo Cavalcante que autoriza a realização do plebiscito para a criação do estado do Tapajós recebeu uma emenda de redação durante sua aprovação, hoje, na Cãmara e por isso terá que retornar ao Senado Federal para ser ratificado, antes de ser promulgado.

É que no texto original emendado na Câmara não constava o recem-criado município de Mojuí dos Campos e de outros 4 municípios do oeste paraense, cuja falha foi sanada através de uma emenda de redação de autoria do deputado Lira Maia(DEM-PA). Ao contrário do Tapajós, o plebiscito de Carajás teve aprovada sua redação final sem alterações e por isso já pode ser promulgado.

2 comentários:

ANTONIO Valentim, disse...

SOU TOTALMENTE favorável à redivisão territorial do estado.
O Pará é muito grande (fisicamente) para ser bem administrado. Fica muita área, gente acima de tudo, distante do centro de governo. Estado ausente, razão pela qual há muitos conflitos de terra, trabalho escravo e outras mazelas.

Anônimo disse...

Isso vai demorar quanto tempo?